Idéias para trabalhar em casa em 2021

Idéias para trabalhar em casa em 2021

A procura por trabalhar em casa e gerar renda extra tem aumentado bastante. Muito por conta da crise causada pela pandemia e o desemprego associado a ela.
Porém, você que está procurndo saber como gerar renda a partir de casa deve ter algo em mente, não existe uma fórmula mágica para começar a trabalhar e ganhar dinheiro de forma fácil e sem esforço.
O que vamos tratar nesse post é como e o que você precisa para criar e administrar um negócio de casa. Se o seu objetivo é ter uma renda principal ou mesmo apenas uma renda adicional, esse post deve servir para você.
Como você deseja trabalhar em casa, vamos falar do que você vai precisar, tanto de um ponto de vista pessoa, quanto profissional.
Para começar, você deve saber que o seu comprometimento é muito importante. Quanto aos investimentos necessários, em alguns casos você poderá começar do zero.

Trabalhar em casa: sonho ou realidade?

Trabalhar em casa: sonho ou realidade?

Uma grande parte das pessoas não estão satisfeitas com seus atuais empregos, sendo assim, muitas delas procuram algum tipo de alternativa.
Muitas vezes a falta de motivação, ou mesmo quando não vemos futuro em nossa atual ocupação, nos levam a tentar fazer algo diferente.
Fique sabendo que trabalhar em casa não precisa ser apenas um sonho, você pode realizar. Existem várias opções de trabalho em casa e várias formas de instrução que te permitem aumentar as possibilidades de profissões. Além de poder trabalhar em mais de uma coisa.
Existe um mundo novo de carreiras esperando por você, e muitas delas, pelo menos as mais voltadas para internet, podem ser feitas do conforto de casa.
Um exemplo é para quem escreve conteúdos ou tem alguma formação na área. Quem possui formação em áreas de marketing pode trabalhar como profisisonal na área, seja para empresas através de home office ou mesmo por conta própria.
Se você quiser realmente trabalhar em casa, você precisa se organizar para conseguir fazer o seu melhor.

Aqui vão algumas dicas:

1. Selecione a ocupação ou as ocupações que deseja: Vamos falar de algumas alternativas nesse artigo.
2. Escolha onde vai trabalhar na sua casa, onde será seu local de trabalho. Este precisa ser muito bem organizado e tranquilo, de forma que você tenha poucas distrações.
3. Ter organização e disciplina para que sua rotina de trabalho seja bem estabelecida.
4. Divulgue seu novo trabalho, de forma que o mercado saiba quem você é e o que pode fazer.
5. Caso seja um negócio próprio, você deve legalizá-lo.

Formas de trabalhar em casa

Para realmente decidir se vale a pena você vai precisar saber quais as principais formas de trabalhar em casa, é o que veremos a seguir.
Você também pode ter um negócio próprio a partir de casa, trabalhando na internet, é perfeitamente possível, assim como trabalhar para alguém por meio de home office.

Trabalho remoto

O trabalho remoto é quando você pode trabalhar de qualquer lugar que estiver, sem necessidade de estar fisicamente em um local específico, como a empresa onde trabalha ou mesmo com o cliente.
Geralmente basta uma conexão com a internet e um computador. Com o trabalho remoto você pode ser funcionário, trabalhar por meio de contrato temporário ou mesmo como freelancer.
Essas três opções são mais indicadas para quem não deseja ter que se ocupar na construção e administração de um negócio.
Se você está empregado e não há essa opção para você, pode ser necessário procurar um emprego novo para ter a liberdade de um trabalho remoto.
Porém, você precisa entender que, em algumas das opções, especialmente ser um freelancer, que, embora não haja um limite para os seus ganhos, como seria sendo um assalariado, você tem menos previsão de trabalhos.

Abrir o próprio negócio

O sonho de quem quer ser seu próprio chefe, essa é uma opção interessante para garantir a sua independência financeira.
Obviamente, criar um negócio não é tarefa fácil. Comumente, você trabalhará mais tempo e ganhará menos do que em um trabalho convencional, pelo menos a princípio.
Porém, diferente de um trabalho convencional, com um negócio próprio, suas receitas não terão limites.
A administração de um negócio, contudo, não é fácil. É fato que a maior parte dos negócios aberto fecham as portas em até 5 anos, sendo que muitos não passam de 1 ano de vida.
Um negócio próprio parece ser o sonho da maioria que deseja trabalhar em casa, porém, algumas coisas serão obrigatórias para que você consiga crescer:
• Você será obrigado a fazer de tudo no início: Isso pode ser importante no futuro, quando você estiver com um negócio consolidado, já que essa experiência pode ajudá-lo a entender vários aspectos da administração de uma empresa.
• Estudo constante sobre o mercado: Você nunca deve parar de estudar e como empreendedor isso nunca pode acontecer. Saber tendências e se antecipar a elas pode significar estar à frente da concorrência.
• Perseverança e resiliência: Muitas dificuldades e desafios devem aparecer diante de você e para superá-los você precisará de coragem, determinação, motivação, perspicácia e resiliência.
• Paciência: Você vai precisar de muita, devido a demora em ter o retorno financeiro, break-even e até que o seu negócio supere o seu salário anterior e consiga sustentar uma vida melhor.
Uma coisa que você deve ter em mente em relação ao empreendedorismo é que você não precisa necessariamente criar algum produto inovador. Na verdade, muitos empreendedores aperfeiçoam ou mesmo copiam ideias de outros empreendedores e, mesmo assim, conquistam sucesso.
Mas, como tudo na vida, existem vantagens e desvantagens associadas com a escolha de trabalhar em casa, vamos conhecê-las adiante.
Vantagens e Desvantagens de trabalhar em casa
Como tudo na vida, nossas escolhas apresentam vantagens e desvantagens que podem impactar nosso futuro. Por isso, vale a pena explorar as condições para que você entenda e escolha com sabedoria o que deseja.

Vantagens

Perda de tempo com trânsito

Uma das vantagens de trabalhar em casa é que você não vai precisar se deslocar até a sua empresa todos os dias. Isso representa uma economia de tempo e dinheiro que é ser muito importante para você. Isso é mais verdade ainda nos centros das grandes cidades como São Paulo, com seus enormes
engarrafamentos.

Além disso, temos de pesar sobre a questão da segurança, que é muito maior quando estamos em casa do que comparada a quando estamos na rua. Não só o perigo de acidentes mas também de assalto é maior.

Disponibilidade para a sua família

Se você possui família, sabe o valor que tem passar mais tempo perto daqueles que você ama. Iso é válido especialmente para quem tem filhos.
Quem trabalha fora, especialmente que tem filhos pequenos, precisa pagar muitas vezes babás, creches, tem custo de transporte escolar dos filhos e trabalhar em casa pode representar uma economia nesse sentido.

Controle do seu tempo

A flexibilidade que você tem para definir o seu tempo é uma vantagem muito importante para quem não gosta de horários fixos de trabalho.
Trabalhando por conta própria você pode definir o horario que mais te agrada, fazer pausas maiores e até mesmo descansar de forma mais fácil do que em um escritório.
Isso também significa que você pode usar seu tempo para várias outras atividades sem estar preso ao trabalho. Você pode fazer exercícios, caminhar, sair e ainda assim pode fazer seu trabalho graças a essa flexibilidade.

Controle da alimentação e da saúde

Quem trabalha em escritórios muitas vezes acaba comendo mais alimentos processados ou comidas rápidas e isso se traduz em uma qualidade de vida menor.
Trabalhar em casa, porém, te permite regular a sua alimentação com os alimentos de casa, o que permite a você uma saúde muito maior, além de economizar com os gastos.

Economia

Já falamos de várias formas de economia no geral que podem ser proporcionadas pelo trabalho em casa, como evitar começar fora, principalmente em restaurantes, o gasto com transporte/gasolina e com suporte aos filhos, se você os tem.
Esse dinheiro pode representar uma folga no orçamento para reinvestir em seu negócio ou em aumentar a sua qualidade de vida.

Desvantagens

Perda de privacidade

Se a sua casa não for grande ou não tiver nenhum lugar com maior calma e silêncio, pode ser difícil se concentrar no trabalho e isso pode afetar sua produtividade.
Algumas distrações também podem ser vilãs de quem trabalha em casa. Telefone, vizinhos, crianças, enfim várias situações domésticas cotidianas podem ser prejudiciais a você.

Falta de contato social

Seres humanos costumam socializar, e se você gosta muito disso, trabalhar em casa pode ser muito ruim, já que você pode passar muito tempo sem contato com ninguém.
Em uma empresa convencional você tende a encontrar e conversar com muitos colegas de trabalho, no entanto, trabalhando em casa, você tende a ter um dia mais solitário.
Uma solução muito utilizada é trabalhar em espaços de co-working de vez em quando, o que pode permitir a você não ficar só e conseguir algum contato social.

Não ter um bom lugar

Como na primeira desvantagem, se o seu lugar for muito barulhento, ou com muitas pessoas, você pode ter muitas interrupções.
Mas, outra coisa que você deve se preocupar são as distrações que levam à procrastinação. Um exemplo é ter videogame, televisão ou algum dispositivo próximo que pode levar a sua tenção e distrair você do trabalho.

Excesso de trabalho

Assim como você pode perder horas sem trabalhar com distrações e procrastinações, você também perder a noção das horas trabalhadas e exceder o que seria saudável.
Já falamos que aqueles que contróem um negócio devem esperar trabalhar mais do que quando um simples funcionário. Porém, o ponto aqui é que você não deve prejudicar a sua vida por conta de trabalho. Lembre-se que o tempo passa e não volta, horas perdidas não retornam, portanto valorize e cuide do seu tempo.
Conhecendo vantagens e desvantagens, você já deve ter tomado a sua decisão, certo? Então vamos as alternativas que listamos para você trabalhar em casa:

Ideias para trabalhar em casa

1. Crie um e-commerce
crie um ecommerce

Esse é uma das opções mais conhecidas e ainda muito lucrativa, dependendo do ramo e do nicho escolhido.
A questão do e-commerce é que ele exige certo nível de investimento tanto de tempo quanto de dinheiro, principalmente na gestão de estoques, no caso de produtos físicos.
Conforme o seu negócio crescer, talvez não será possível mais trabalhar de casa, porém, as suas receitas estarão consideravelmente maiores.
Para ter uma loja virtual, você vai precisar de uma boa plataforma ou uma empresa de hospedagem que o auxilie na instalação de uma. Quanto ao marketing, existem várias opções que você pode utilizar para alcançar o seu público .
2. Crie um blog
 Crie um blog

Você também pode ser um blogueiro, ou seja alguém que escreve em um blog. Você pode ganhar dinheiro de diversas maneiras com blogs, inclusive já tratamos desse assunto nesse blog, se estiver interessado.
Blogueiros profissionais arrecadam dinheiro de várias formas e possuem um grande número de visitantes recorrentes, o que lhes permite ganhar dinheiro com publicidade e venda de produtos.
Com o tempo e, seguindo a atual tendência, você pode até mesmo se tornar um influencer e conseguir ainda mais espaço nas mídias, especialmente Youtube e Instagram.
Outra forma muito comum de ganhar dinheiro é através de patrocínios que são muito comuns para os influencers.
Como tudo, o principal é dedicação e saber que o sucesso não virá de forma fácil.

3. e-books
e-book

Algumas pessoas que possuem muito conhecimento em uma área específica e de apelo comercial costumam criar e-books para vender ne internet.
Essa é uma forma interessante porque acaba sendo uma renda passiva e que vende sem precisar de mais esforços.
Na maioria das vezes, alguns produtores usam plataformas como Hotmart, Monetizze e Eduzz para vender seus e-books e ainda contar com vários afiliados que podem aumentar ainda mais as suas vendas.
Você também pode vender o seu livro na Amazon e conseguir aumentar ainda mais o seu alcance. Na prática, você pode usar inclusive a ideia acima, da criação de um blog para ajudar nesse projeto.

4. Crie um curso em vídeo

Além da possibilidade de criar um e-book, você também pode criar um curso em vídeo-aulas, sendo essa uma das opções mais comuns em cursos a venda hoje.
Se você tem uma habilidade ou conhecimento que pode ser compartilhado facilmente, pode pensar em criar um curso online que, como os e-books é uma renda passiva e que pode fazer você ficar rico sem maiores dificuldades.
Com os efeitos da pandemia, as matrículas em cursos online aumentaram bastante e representam hoje uma mercado bilionário.
Usando a mesma técnica de comercialização dos e-books, você poderá aumentar e muito a sua renda ganhando dinheiro com seus cursos online.
Você pode escolher algum nicho específico que tenha conhecimento e criar um ou mais cursos nessa área. Também pode fazer cursos em várias áreas que tenha conhecimento e assim expandir muito seus ganhos.

5. Seja um afiliado

Ja falamos sobre afiliados acima, estes são os responsáveis por vender cursos, e-books, palestras, apostilas, enfim diversos tipos de infoprodutos e ganham uma comissão por venda realizada.
Na verdade, atualmente um afiliado pode vender inclusive produtos físicos, de lojas como a Amazon que paga uma comissão relativa a cada venda.
Entre as estratégias que você pode usar para vender seu produto está a publicidade paga, anunciar em suas redes sociais, para amigos e parentes, usar um blog, como na dica acima e várias outras formas.
Você nunca precisará de um escritório se não quiser, já que não há necessidade de espaços para um afiliado, apenas um computador. Começando pequeno, você pode complementar a sua renda. Conforme o tempo passar e você for ficando mais experiente, pode se tornar um grande negócio.
Como dissemos anteriormente também, existem algumas plataformas, como a Hotmart, Eduzz e Monetizze que possuem produtos cadastrados e trabalham com afiliados. Isso funciona especialmente para infoprodutos.

6. Copywriting

Esses profissionais são muito requisitados no mercado, sendo até mesmo responsáveis por algumas das maiores campanhas de marketing da internet.
Sua função é escrever peças publicitárias de apelo que possam ajudar empresas a vender. Assim, um bom copywriter pode ganhar muito dinheiro criando diversos tipos de conteúdo para uso de seus clientes.
Obviamente, ser um copywriter não é fácil, sendo necessário muito estudo e aperfeiçoamento para que você se torne bom nisso. Saber PNL, persuasão, gatilhos mentais é essencial para se dar bem nisso.

7. Dar Aulas online

Se você tem muito conhecimento sobre algo, a ponto de ser capaz de ensinar outras pessoas (para isso não basta saber o assunto, tem que saber ensinar), uma boa oportunidade e dar aulas online.
Você pode ser um professor particular e ensinar individualmente ou em grupos seus alunos, de acordo com o assunto ou mesmo criar um curso e vendê-lo na internet, como falamos acima.
Porém, como professor, você deverá cobrar por hora e pode usar isso como um serviço extra a quem comprou o seu curso.
Digamos que você seja um professor de inglês, você pode criar um curso para iniciantes e ministrar aulas particulares para quem é avançado.

8. Tenha um canal no Youtube

Além de ser o segundo motor de buscas mais usado, depois do Google, o Youtube oferece uma multidão de assuntos e temas que podem ser explorados e, se você domina algum, pode ser interessante criar um canal e falar com o seu público.
Obviamente, você não se tornará notório da noite para o dia, isso leva tempo, mas, se você for perseverante e tiver conteúdos de qualidade, com certeza será questão de tempo até conseguir um bom número de inscritos e visualizações.
Você também pode usar outras estratégias para impulsionar seu canal, como publicidade, redes sociais, parcerias e até um blog.
Você também pode usar o seu canal para divulgar um produto/serviço que você possua, criando mais uma fonte de renda.
O ganho no Youtube pode vir de parcerias, patrocínios, monetização dos vídeos, afiliação de produtos, e várias outras.
O ideal é combinar as melhores para o seu caso e ir com tudo.

9. Gestão de redes sociais

Como as redes sociais tem se tornado meio de comunicação principal entre as pessoas, as empresas tem investido bastante em comunicação através desses canais. Nesse interim, a procura por profissionais para a gestão das redes sociais aumentou muito.
Se você é um profissional da área, você pode trabalhar em casa gerindo as redes sociais de várias empresas, seja como freelancer ou contratado remoto.
O objetivo geralmente é gerar engajamento e manter a comunicação entre a empresa e seus seguidores.

10. Desenvolvimento Web

Para quem é programador, trabalhar desenvolvendo aplicações para a web é uma opção muito interessante e pode ser feito mesmo de casa.
A procura por desenvolvedores tem crescido bastante e empresas tem buscado profissionais para desenvolver aplicações on demand.
Como existem muitas linguagens diferentes e especializações, você deve pesquisar o que pode fazer, estudar linguagens diferentes e se dominar algum idioma, pode até mesmo fazer trabalho para pessoas e empresas de outros países.
Conclusão
Obviamente, criar um negócio não é tarefa simples, mas se for melhorar a sua qualidade de vida, aumentar a sua satisfação, reduzir o seu estresse e fazer você ganhar mais dinheiro, é um caso muito forte a se considerar.
Além disso, existem muitas das alternativas que são complementares, portanto você pode usar várias delas na criação do seu negócio e assim conseguir muito mais resultado.

Se você tiver alguma dificuldade ou alguma dúvida sobre qualquer outra questão no Marketing Digital? Deixe um comentário ou mande um email para [email protected] e ficarei muito feliz em responder.

Forte abraço

Gilberto

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.