Mini Treinamento Google Ads Gratuito

Mini Treinamento Google Ads Gratuito

curso grátis para afiliados iniciantes

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Tráfego orgânico e pago: entenda as diferenças

Tráfego orgânico e pago: entenda as diferenças

No campo da Web, um site, mas mais geralmente um determinado conteúdo, pode se beneficiar de várias alavancas de tráfego. Uma classificação pode ser feita entre o tráfego orgânico e pago.

Concretamente, o que é adquirido por meios não pagos é descrito como orgânico (por exemplo, pesquisa orgânica resultante da referência natural). Por outro lado, alavancas pagas representam a parcela do tráfego resultante da publicidade paga no Google Adwords ou Facebook, entre outros.

Você quer pagar um preço recorrente e potencialmente volátil pelo tráfego garantido para o seu site, ou quer fazer um investimento único para gerar o mesmo volume de tráfego, embora não garantido? Esta é uma pergunta difícil.

Mas é a diferença entre tráfego pago e orgânico. Embora os objetivos finais sejam provavelmente os mesmos, os meios para alcançá-los diferem muito.

Como essas metodologias aparentemente opostas funcionam na realidade? E antes de continuar lendo, saiba que ambos os tipos têm um papel a desempenhar em sua estratégia de marketing.

 

QUAIS SÃO AS DIFERENÇAS ENTRE ESSAS ALAVANCAS DE TRÁFEGO?

 

QUAIS SÃO AS DIFERENÇAS ENTRE ESSAS ALAVANCAS DE TRÁFEGO?Falamos sobre ganhar visibilidade em SEO para obter ganhos de tráfego. A aquisição de tráfego em um site é um conjunto de maneiras de aumentar o número de visitantes. No campo do marketing digital, a aquisição de tráfego é perfeitamente complementar à conversão ou transformação.

Para ser mais claro, se 3% dos visitantes comprarem seus produtos em um comércio eletrônico, por exemplo, você pode, é claro, tentar melhorar a taxa de conversão (3 por cento), mas também aumentar o número de visitantes.

Todas as alavancas que você pode implementar, como correspondência, mídia social, ações externas, são chamadas de alavancas de aquisição de tráfego. Do ponto de vista dos mecanismos de busca, duas alavancas principais, exigindo habilidades e abordagens diferentes, se opõem e se complementam: são alavancas de aquisição de tráfego orgânico (principalmente referência paga) e alavancas de aquisição de tráfego pago (Adwords, por exemplo).

Dito isso, alavancas pagas e alavancas orgânicas têm vantagens muito específicas.

 

BENEFÍCIOS DAS ALAVANCAS DE TRÁFEGO

Agora é muito rápido configurar uma campanha no Facebook ou no Google Adwords. Em termos concretos, esta continua sendo uma área muito técnica porque a implementação de campanhas requer conhecimento real, especialmente se você não quiser estar errado na mensagem, direcionar e verificar o retorno do investimento.

Outra vantagem, e não menos importante, é o fato de que uma campanha do Adwords, para citar algumas, permite que você controle perfeitamente a mensagem que deseja transmitir.

Estamos longe de ter falta de controle dos volumes de pessoas afetadas como parte do trabalho de otimização de SEO;

Sim, no SEO, não podemos controlar tudo em termos de impacto…

É uma ótima maneira de trabalhar no reconhecimento da marca ou da empresa, para alcançar facilmente um grande número de usuários da Internet, seja em redes sociais, resultados de pesquisa do Google ou vídeos.

 

O QUE É TRÁFEGO ORGÂNICO?

O QUE É TRÁFEGO ORGÂNICO?

O tráfego orgânico evoca visitantes que chegam ao seu site através dos mecanismos de busca – sem que você pague diretamente por essa rota. Ao clicar nas listas orgânicas que aparecem nas páginas de resultados dos mecanismos de pesquisa (SERP), os usuários são direcionados para o seu site por meio de suas próprias iniciativas naturais.

Por que alguém clicaria em um resultado em detrimento de outro?

Por várias razões:

  • Esta foi a informação mais relevante e útil disponível na página.
  • Parecia vir de uma fonte confiável e bem informada.
  • Isso parecia corresponder à intenção de pesquisa deles.

Tráfego orgânico é apenas isso: orgânico. Ele permite que os pesquisadores encontrem on-line as informações que melhor atendem às suas necessidades sem serem forçados ou manipulados a clicar em anúncios pagos.

O espaço publicitário é comprado por marcas a uma taxa predeterminada, essencialmente dando-lhes atenção inicial aos pesquisadores quando chegam a uma SERP. Você pode considerar os anúncios pagos como os “1%”, vivendo no topo das SERPs.

O orgânico, por outro lado, é baseado em uma relação empresa-pesquisador mais básica sem balanças ponderadas: apenas a possibilidade de se comprometer significativamente com propósitos mutuamente benéficos. Eu (o pesquisador) quero informações, e você (a empresa) parece tê-las.

 

QUAIS TIPOS DE CONTEÚDO SÃO MAIS ADEQUADOS AO TRÁFEGO ORGÂNICO?

O tráfego orgânico é gerado pela otimização de mecanismos de busca. Você escreve conteúdo amigável à pesquisa, ele aparece nas SERPs, os usuários encontram sua página e clicam nela.

A prática de SEO é produzir a página mais completa, prática e útil para que ela seja bem classificada nas SERPs e os usuários orgânicos possam encontrá-la o mais facilmente possível. E embora este canal represente o tráfego orgânico como uma métrica, a referência não é uma tática fixa e estática que garanta que 1.000 visitantes do site hoje sejam equivalentes a 1.000 outros visitantes do site amanhã.

A qualquer momento, um concorrente pode produzir conteúdo mais eficiente e desviar o tráfego do seu site para o deles. Assim, o principal objetivo do conteúdo de SEO deve ser superar as páginas dos concorrentes e manter suas páginas atualizadas.

Isso geralmente é feito por:

  • Postagens de blog, muitas vezes persistentes.
  • Landing pages, focadas em produtos ou serviços.
  • Vídeos.
  • Infográfico.

Como você pode ver, o tráfego orgânico geralmente está no topo do funil e a intenção do pesquisador é informativa. A chave é atrair tráfego para páginas que viverão em seu site por um longo tempo (ou para sempre), que são otimizadas em torno de uma única palavra-chave inicial e que fornecem informações em um ambiente adaptado à experiência do usuário.

 

O QUE É TRÁFEGO PAGO?

 

O QUE É TRÁFEGO PAGO?O tráfego pago do mecanismo de pesquisa ocorre em sites quando um usuário clica em um anúncio colocado em uma SERP para um determinado termo de pesquisa. Este anúncio é criado e pago por uma empresa – usando uma plataforma de publicidade – que busca aparecer primeiro nos mecanismos de busca.

Como você pode ver, o objetivo das campanhas de tráfego orgânico e pago é o mesmo: ser clicado com mais frequência do que qualquer pessoa competindo pelo mesmo termo de pesquisa.

A publicidade de pesquisa paga existe dentro de uma plataforma automatizada de leilões abertos, como o Google Ads. O Google define um preço para uma palavra-chave e as empresas dão lances a essa palavra-chave. Google então:

  • Avalia seu lance máximo (geralmente medido em pagamento por clique ou PPC).
  • Avalia a relevância do anúncio que você propõe para o prazo que está sendo leiloado.
  • Atribui um nível de qualidade, uma medida de taxa de cliques, qualidade da landing page e relevância do anúncio.

Olhando para as SERPs, você notará que muitas vezes há vários anúncios na parte superior e inferior.

 

COMO FUNCIONA A CLASSIFICAÇÃO?

Então, como o Google decide onde classificar seu anúncio? Como discutimos em detalhes anteriormente, os recursos do Google SERP geralmente são incrivelmente segmentados e comercializados para anúncios pagos.

Quando há muitos lances para as mesmas solicitações, como, por exemplo “software de marketing de conteúdo” e “presentes do Dia dos Namorados”, o Google atribui uma classificação ao seu anúncio, que determina a posição nas SERPs nas quais o anúncio será destaque.

A fórmula rápida é a seguinte: lance máximo x nível de qualidade = classificação de anúncios = posição de pesquisa.

Também é importante observar que, em geral, quanto maior o seu nível de qualidade, menor o seu custo por clique (CPC). Dessa forma, você pode realmente economizar dinheiro tornando seus anúncios de pesquisa o mais criativos, direcionados e relevantes possível.

Se você tem alguma dificuldade ou alguma dúvida sobre Tráfego pago ou orgânico, Marketing de Afiliados ou Marketing Digital de uma forma geral, Deixe um comentário ou mande um email para [email protected] e ficarei muito feliz em responder.
Forte abraço
Gilberto

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.